Fale connosco
Marcar Consulta
Pedir Orçamento
Siga-nos no Facebook
Escreva o seu Review
Entraremos em contacto consigo para confirmar a sua marcação
Indique-nos o que pretende e de seguida, entraremos em contacto consigo.

Perguntas frequentes

De acordo com estudos científicos aprovados pela Direcção Geral para a Saúde e Consumidor, da Comissão Europeia (CE), não existe justificação clínica para a remoção de restaurações em amálgama clinicamente satisfatória. Logo, esta situação não se verifica, excepto nos casos de doentes alérgicos aos seus componentes.

Porque a aplicação de pasta dentífrica através da escovagem dos dentes actua de diversos modos: Pela acção abrasiva são removidas as partículas sólidas da cavidade oral e também actua como polimento da superfície dentária. Assim, a presença de agentes antimicrobianos, xilitol, tem um efeito antiséptico inibindo o desenvolvimento de bactérias prevenindo o aparecimento de gengivites.

Perguntas Frequentes – Conclusão

Tanto que a acção do flúor torna os dentes mais fortes e mais resistentes às cáries, devido à sua capacidade remineralizadora.

Dentro das FAQs – Perguntas Frequentes, esta é muito habitualmente questionda. Logo, esta situação deve-se ao facto de as crianças apresentarem maior dificuldade que os adultos em higienizar os dentes. Além disso, existe a natural apetência das crianças para os doces.

Perguntas Frequentes – Até aos 3 anos

• A higiene oral inicia-se com a erupção do primeiro dente e deve ser feita com uma gaze, dedeira ou escova macia;

 

Perguntas Frequentes – Dos 3 aos 6 anos

• A criança deve fazer a escovagem dos dentes, com supervisão, pelo menos duas vezes por dia. Desta feita sendo uma delas obrigatoriamente antes de deitar;
• Logo, a escova deve ser macia e ter um tamanho adequado à boca da criança;
• Deste modo, o dentífrico fluoretado deve ter entre 1000-1500 ppm e a quantidade é idêntica ao tamanho da unha do quinto dedo (mindinho) da criança.

 

Perguntas Frequentes – Mais de 6 anos

• Porque a escovagem dos dentes deve ser feita pelo menos duas vezes por dia, uma delas deverá ser obrigatoriamente antes de deitar;

• Assim, a escova deve ser macia ou média, de tamanho adequado à boca da criança;

• Deste modo, o dentífrico fluoretado deve ter entre 1000-1500 ppm, e a quantidade é de aproximadamente um centímetro.

 

Perguntas Frequentes – Na adolescência

• Consequentemente, a higiene oral faz parte da construção e do reforço positivo da auto-imagem;
• Isto porque as expectativas dos jovens acerca dos lábios, boca e dentes, nos planos estético e relacional, são de valorizar.

A dentição decídua, de leite, fica completa aos 3 anos e é a partir desta data que os pais devem levar os filhos ao dentista. Além de observar o estado dos dentes, o dentista ensina as técnicas de escovagem, a necessidade ou não, de fazer suplementos de flúor e todos os ensinamentos acerca da higiene oral. Estas visitas servem também para criar um ambiente de confiança e à vontade entre a criança e o médico.

O branqueamento dentário actua, somente, sobre os dentes naturais tornando-os mais brancos. Não actua sobre quaisquer elementos artificiais como sejam as coroas e facetas.

Melhores resultados

Os melhores resultados conseguem-se no caso de dentes amarelados sendo os efeitos menos visíveis em dentes com outras tonalidades.
As grávidas e lactentes não devem fazer branqueamento dentário.
Pessoas com problemas de gengivas e cáries não tratadas não devem fazer branqueamento dentário, antes de resolver o problema primário.

Potenciais dificuldades

Branqueamentos dentários excessivos e repetitivos provoca danos nos dentes.
As pessoas com muita sensibilidade dentária podem sofrer irritação e dores fortes devido ao branqueamento.
Escovar os dentes com pasta dentífrica adequada antes do branqueamento reduz a sensibilidade à dor.

Além de todos os outros problemas causados pelo tabaco, o fumo provoca:

Descoloração dos dentes caracterizada por manchas causadas pela nicotina e alcatrão. Estas manchas não são facilmente retiradas com a escovagem normal.

Logo, mau hálito provocado pelos elementos constituintes do fumo do tabaco. Além disso, o fumo provoca boca seca que é a principal causa da halitose.

Logo, maior incidência de cáries dentárias.
Deste modo, Infecção das gengivas devido à placa bacteriana. Consequentemente, um estudo recente prova que os fumadores desenvolvem 4 vezes mais problemas gengivais que os não fumadores.

Hoje em dia o uso de aparelho parece banal, tanto usa aparelho um adulto como um jovem ou até mesmo uma criança de tenra idade.

Logo, de facto em Portugal a Ortodontia passou a ser encarada como uma mais-valia a qualquer pessoa que ambiciona um sorriso mais harmonioso, proporcionando uma maior auto-estima e autoconfiança. Por isso existe cada vez maior a sua procura nos pacientes adultos.

Assim, esse tempo depende da complexidade do caso e do tratamento a efectuar, no entanto, será, na maioria dos casos, de 2 anos.

Dói muito usar aparelho dentário?

Porque o aparelho dentário não provoca dor, provoca apenas um desconforto que vai passando gradualmente ao fim de 2 a 3 dias.
Isto porque ao fim de pouco tempo o paciente vai sentir que o aparelho faz parte de si não interferindo com a fala ou mastigação podendo por isso fazer uma vida normal.

Para mais informações, marque a sua consulta, teremos um simpático dentista em lisboa à sua espera para o(a) ajudar e esclarecer todas as suas dúvidas.
Não deixe que o medo do dentista o(a) impeçam de ter o sorriso com que sempre sonhou.

Morada:
CDL, Clínica Dentária de Lisboa
Rua Ferreira da Silva, 9B
1900-228 Lisboa

Tel:21 354 00 59

Email:info@dentistalisboa.com

Horário:
Segunda a sexta-feira: 8h às 20h
Sábado: 09h às 17h

Preços, dúvidas e outras informações